Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2018
Política

Bolsonaro vai se filiar ao PEN, e partido mudará de nome

Publicada em 01/08/17 as 13:50h por Jornal do Cidadão Online Noticias de Barretos e Região - 258 visualizações


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Jair Bolsonaro agora faz parte do PEN, partido presidido por Adilson Barroso  (Foto: Divulgação)
O Presidente do Diretorio Municipal de Barretos do Partido Ecologico Nacional Niltinho Vieira comunica que atendendo as diretrizes de sua coordenação nacional, que estaremos lançando candidato a Deputados Estaduais e Federais nas próximas eleições, nossa garra e força aumentou com a recente noticia que o Deputado Jair Bolsonaro que é possível pré Candidato a Presidência da Republica pelo PEN. 

O Presidente Nacional Adilson Barroso comunica que o partido está à disposição de Bolsonaro, inclusive havendo a possibilidade de mudança do nome para Patria Amada Brasil. 

Comunica ainda que ainda não temos os pretensos candidatos e o partido esta à disposição para novas filiações.


Após fazer mistério e conversar com dirigentes de diferentes partidos para se decidir, o deputado federal Jair Bolsonaro, hoje no PSC, vai se filiar ao PEN - Partido Ecológico da Nação, presidido por um ex-boia-fria, Adilson Barroso, conforme a Coluna antecipou anteriormente.

Bolsonaro vai anunciar em breve a filiação e também vai filiar os dois filhos deputados federal por São Paulo, Carlos, e deputado estadual pelo Rio de Janeiro, Flávio, ambos ainda no PSC.

O presidenciável condicionou ainda a entrada à alteração do nome do partido. Bolsonaro quer Pátria Amada Brasil (PAB), e a sugestão será avaliada pela executiva.

A situação de Bolsonaro se complicou no PSC, presidido pelo Pr. Everaldo - candidato à Presidência em 2014 - quando a executiva nacional deu aval para o diretório estadual no Maranhão se aliar ao PCdoB do governador Flávio Dino. Revoltado, o conservador Bolsonaro alegou que não foi consultado, que reprova aliança com comunistas. Há oito meses Bolsonaro não conversa com Pr Everaldo.

Na nova legenda, é provável que Bolsonaro ganhe cargos na executiva e tenha liberdade para fazer alianças regionais nos Estados. Seus dois filhos, os deputados, devem dirigir a legenda em São Paulo e Rio de Janeiro.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.







Nosso Whatsapp

 (17) 9 8110-4506

Copyright (c) 2018 - Jornal do Cidadão Online Noticias de Barretos e Região - jornaldocidadaoregional@gmail.com CNPJ: 15.067.492/0001-00 Noticias de Barretos Região Diretor Responsável André Luiz Jurídico Dr. Daniel Santos OAB/SP 333.364